POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO SUPERIOR E A TRAJETÓRIA DO TUNING EUROPEU NO BRASIL

Autores

Palavras-chave:

União Europeia. PATAL. Competências. PPC.

Resumo

Este artigo, em um primeiro momento, estabelece relações e criar uma linha do tempo entre o Processo de Bolonha na Europa e a implantação do Programa Alfa Tuning na América Latina – PATAL - apresentando as principais características do mesmo. Em um segundo momento, busca analisar o Plano Pedagógico de Curso - PPC - de um curso de graduação na área da Educação de uma Universidade Federal Brasileira, que de acordo com os documentos estudados, aderiu ao PATAL. A metodologia utilizada foi a leitura de textos bibliográficos e documentos que tratam da temática e a pesquisa do PPC do referido curso, no site oficial da Instituição. Em uma primeira análise, é possível inferir que os princípios norteadores do Programa Alfa Tuning na América Latina, embora tendo sido aprovados por algumas Universidades Brasileiras, não foram introduzidos em seus Projetos Pedagógicos de Curso e, consequentemente, não se realizam efetivamente em nosso país.

Biografia do Autor

Cristiane Aparecida Machado de Paula, Instituto Federal de São Paulo, campus Itapetininga

Pedagoga. Servidora no Instituto Federal de São Paulo, campus Itapetininga.

Referências

BENEITONE, P.; YAROSH, M. Tuning impact in Latin America: Is there implementation beyond design? Tuning Journal for Higher Education. University of Deusto, vol. 3, n. 1, nov. 2015, p. 187-216. Disponível em: http://www.tuningjournal.org/article/download/112/1083. Acesso em: 09 jul. 2019.

BENEITONE, P. et al. Reflexões e perspectivas do Ensino Superior na América Latina. Relatório final Projeto Tuning América Latina (2004-2007). Universidade de Deusto, 2007. Disponível em: http://Tuningacademy.org/wp-content/uploads/2014/02/TuningLAIII_Final-Report_PT.pdf. Acesso em: 09 jul. 2019.

EIRÓ, M. I.; CATANI, A. Projetos tunning e tunning américa latina: afinando os currículos às competências. Cadernos PROLAM/USP, v. 1, p. 105-125, 2011. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/prolam/article/view/82453/108452. Acesso em: 09 jul. 2019.

BRASIL. Lei de Diretrizes e B. Lei nº 9.394/96, de 20 de dezembro de 1996. BRASIL, Ministério da Educação e do Desporto. Disponível em: https://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/70320/65.pdf. Acesso em: 09 jul. 2019.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/a-base. Acesso em: 09 jul. 2019.

OLIVEIRA, L. T. C. de. Políticas de Educação Superior: do Processo de Bolonha ao Projeto Alfa-Tuning América Latina. Tese (Doutorado em Educação). Universidade Estadual de Maringá. Maringá, 2017.

LEITE, D.; GENRO, M. E. H. Avaliação e internacionalização da Educação Superior: Quo vadis América Latina? Revista Avaliação (Campinas), v. 17, n. 3, pp. 763-785, nov. 2012. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/aval/v17n3/a09v17n3.pdf. Acesso em: 09 jul. 2019.

PUZIOL, J. K. P. Educação superior e políticas inter-reginais: um estudo sobre o projeto Alfa Tuning América Latina nas universidades brasileiras. Tese. Doutorado em Educação. Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-13062017-113812/publico/JEINII_KELLY_PEREIRA_PUZIOL_rev.pdf. Acesso em: 09 jul. 2019.

TUNING AMÉRICA LATINA. 2015. Site oficial. Disponível em: http://www.Tuning.unideusto.org/. Acesso em: 27 jun.2019.

Downloads

Publicado

2019-07-21